Publicidade perversa

Eis um artigo muito interessante na internet: "O lado perverso da persuasão". Um aglomerado de informações e de peças publicitárias que mostram a evolução da publicidade no começo do século XX aos dias de hoje. Um ponto muito bem analisado são os anúncios de cigarros (hoje banidos dos meios de comunicação em massa).

Difícil de acreditar como a persuasão aplicada usava de artifícios que hoje seriam abominados pela legislação e pelos consumidores. Eis alguns exemplos:



Nos anos 50, até bebês eram usados para convencer o consumidor: “Claro que o meu pai fuma Marlboro... ele sabe o que é bom!”




Receita para emagrecer: “Se você quer manter uma silhueta esguia, ninguém pode negar... pegue um Lucky Strike, não um doce”; Mexendo com a autoestima: “Essa é você daqui a cinco anos? Quando bater a tentação de cair na auto indulgência, acenda um Lucky Strike”




Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...